• O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
  • O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) capa
< >

Livro: O Guia Do Mochileiro Das Galáxias (#1) (pdf)

autor:

4
1302 avaliações

Bem-vindo à melhor rede social de livros do Brasil (modéstia a parte. ;)! Tudo aqui gira ao redor da literatura, seja ela nacional ou estrangeira. Livros, livros e mais livros, nada mais importa. Tudo sobre seus autores favoritos e resenhas dos livros que você deseja ler. Perfeito para decidir qual será seu próximo livro, ou saber o que outras pessoas estão pensando sobre o livro que você já leu. Crie sua biblioteca e aproveite, o site é seu!

Nas bibliotecas (2600)



+ ver todos
  • classificou 0
    + biblioteca de Bruno

    Uma viagem e tanto!




  • + biblioteca de Cesar Afif

    Muito bom!!! Pra morrer de rir




  • classificou 0
    + biblioteca de Erick

    kkkk. talvez nem de pergunta ou resposta . mais o que tu imaginas em cada parte do livro. rsrsrsrsrsrsr




  • classificou 3
    + biblioteca de Guilherme

    Não se trata de saber a resposta, e sim a PERGUNTA! rs...




  • classificou 0
    + biblioteca de Marcos

    Uma leitura bastante legal e diferente com humor e bastante inteligencia.




  • classificou 0
    + biblioteca de Taisa

    "Um número cada vez maior de pessoas acreditava que havia sido um erro terrível da espécie descer das árvores. Algumas diziam que até mesmo subir nas árvores tinha sido uma péssima ideia, e que ninguém jamais deveria ter saído do mar." Pg.10

    Gente, o que é esse livro? Eu já imaginava que ele seria meio maluquinho, já tinha ouvido algumas opiniões, mas o autor é insano, a sua mente sem dúvida trabalha na velocidade da luz.

    Vamos ao início. Arthur Dent é um Britânico que tem sua vida virada de cabeça para baixo quando seu amigo Ford Prefect o convida a tomar umas cervejas no bar, no momento Arthur está um pouco ocupado deitado na lama na frente de sua casa, ele tem o intuito de impedir a demolição da mesma por conta de um desvio novo na estrada da cidade.

    Chegando ao bar Ford o comunica que o mundo esta acabando, a Terra irá ser destruída e eles precisavam sair dali em dez minutos, ele deve beber logo seus seis chopes. A Terra é enfim destruída e esses dois improváveis amigos começam um jornada pelo espaço. No meio do caminho se esbarram em Zaphod Beeblebrox e Trillian, e dai mesmo é que a historia fica louca.

    Quando comecei a ler fiquei um pouco surpresa, se não me engano já vi ele mais de uma vez na parte de infanto-juvenil, tinha uma ideia que ia encontrar alguma coisa engraçadinha e inocente. Inocência a minha. Na verdade é um livro para todas as idades, mas não tem nada de singelo. O autor abusa de sarcasmos, piadinhas e MUITA imaginação. A principio nada faz sentindo, mas aos poucos uma informação vai se juntando à outra, e quando percebemos esta quase tudo interligado. [quase porque existem umas historinhas paralelas, que tem o intuito só de divertir o leitor mesmo]

    Meu personagem predileto sem duvida foi o Zaphod, eu AMEI esse ser de duas cabeças, ele é sem noção, é inteligente e ao mesmo tempo é burro, engraçado, e não me pergunte como, mas tem seu charme. Pois é, bizarro, mas é a verdade.

    Douglas Adams tira muito sarro da humanidade, de como pensamos que somos inteligentes, uma raça tão superior e desenvolvida. No começo me senti idiota por não entender bulhufas do que ele estava dizendo, parei a leitura por quase uma semana, depois retomei e tive a impressão que era isso que ele queria, que eu me sentisse estúpida. Resolvi ler de outra maneira, com a mente mais aberta como se entendesse aquele monte de informações malucas sobre física, tempo/espaço, aparelhos, computadores, tecnologia avançada e afins (como no quote abaixo). Então tudo ficou claro quando percebi que eu não devia mesmo captar nada daquilo, a grande maioria é tudo invenção daquela mente psicodélica e criativa, e percebi, ele estava era tirando sarro de mim! Ou será que fiquei um pouco paranoica com esse livro? Ainda não descobri, talvez eu use o gerador de improbabilidade infinita e descubra qual a chance disso realmente acontecer!

    "O Princípio de gerar pequenas quantidades de improbabilidade finita simplesmente ligando os circuitos lógicos de um Cérebro Subméson Bambleweeny 57 a uma impressora de vetor atômico suspensa num produtor de movimentos brownianos intensos(por exemplo, uma boa xícara de chá quente) já era, naturalmente, bem conhecido - e tais geradores eram frequentemente usados para quebrar gelos em festas..." (pg. 69. Entendeream o que eu disse? WTF é isso?)

    Existe um filme também desse livro, eu assisti apenas o comecinho, gostei e parei porque queria ler o livro primeiro. Pelo que eu assisti ele me pareceu ser bem fiel. Não achei um bom legendado então coloquei esse em inglês mesmo:



    Há um outro vídeo bem interessante que demonstra um pedacinho de outra parte do livro, não há grandes spoilers mas eu indicaria só para quem já leu o livro, é sobre a Questão Fundamental:



    Há quem diga que essa é uma referência a um conto de Isaac Asimov, "A Última pergunta". É um conto bem interessante também que vale a pena ser lido (clique aqui se quiser ler).

    Ah!!! E tem mais uma coisa muito interessante nesse livro, aqui descobrimos o que acontece com aquelas canetas esferográficas que sempre somem, imagino que o mesmo fenômeno se aplique a amarradores de cabelo, par de meias e outras tantas coisas que desaparecem de uma hora para outra!! Interessantíssimo!

    Minha dica sobre esse livro seria: NÃO ENTRE EM PÂNICO e leia logo essa série!

    “Você acha que o seu problema é sério? E eu? O que faço se eu sou um robô maníaco depressivo? Não, nem tente responder; eu sou 50 mil vezes mais inteligente que você e nem eu sei a resposta. Só ao tentar me colocar no seu nível intelectual, fico com dor de cabeça.”Pg.103

    leiturasdataisa.blogspot.com.br




  • classificou 0
    + biblioteca de Sheylla

    O primeiro livro da trilogia de cinco começa com Arthur Dent, um inglês que está para ser despejado da sua casa. Ela vai ser demolida para abrir espaço para a construção de uma rodovia. Na manhã daquela quinta-feira ele se preparava para mais um dia tentando impedir a demolição de ser feita quando seu vizinho, Ford Perfect o chama para tomar uns chope no pub mais próximo.

    Ford é um alienígena passando um tempo na Terra, para os terráqueos ele é um ator desempregado que está sempre fazendo algum teste para uma nova peça de teatro. Mas naquela manhã de quinta-feira ele percebeu que seria o seu último dia no planeta Terra, até porque a Terra não iria mais existir.

    Assim como a casa de Arthur, a Terra deria demolida para a construção de uma nova rodovia intergalactica e os responsáveis pela destruição são os Vogons, um raça alienígena não muito sociável. Ford consegue entrar na nave dos Vogons e leva Arthur, salvando o humano da destruição da Terra, e aí começa a maior das aventuras que alguém poderia imaginar.

    Eles são expulsos da nave que estão e são salvos por Zaphod Beeblebrox um segundo antes de morrerem asfixiados pelo vácuo do espaço. Dentro da nave roubada de Zaphod eles encontram Trillian (uma ser humana, matemática e caso amoroso do Zaphod) e Marvin, o robô mais depressivo do universo, um dos melhores personagens que eu já tive o prazer de conhecer, ele está sempre se queixando da vida e se faz de vítima 99% do tempo em que está presente.

    Juntos eles acabam descobrindo um planeta que há tempos era dado como extinto e com ele também descobre a resposta da vida, o universo e tudo mais, porém ninguém sabe a pergunta para a tal resposta, que é 42.

    Um livro bem curtinho e muito divertido de ler, em algumas partes pode se tornar confuso por ter muitos dialogos e nomes estranhos mas as tiradas que o autor consegue passar são muito inteligentes. Eu comprei os cinco livros juntos e pode-se notar que já no primeiro à referências aos títulos dos volumes seguintes. Ótimo para quem quer dar uma aliviadas das leituras compridas e um tanto quanto sérias, só dou um aviso para os leitores: NÃO ENTRE EM PÂNICO!

    site: http://www.loucura-literaria.com/2015/02/resenha-o-guia-do-mochileiro-das.html




  • classificou 0
    + biblioteca de Priscila

    Considerado um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica, O guia do mochileiro das galáxias vem encantando gerações de leitores ao redor do mundo com seu humor afiado.
    Este é o primeiro título da famosa série escrita por Douglas Adams, que conta as aventuras espaciais do inglês Arthur Dent e de seu amigo Ford Prefect.
    A dupla escapa da destruição da Terra pegando carona numa nave alienígena, graças aos conhecimentos de Prefect, um E.T. que vivia disfarçado de ator desempregado enquanto fazia pesquisa de campo para a nova edição do Guia do mochileiro das galáxias, o melhor guia de viagens interplanetário.
    Mestre da sátira, Douglas Adams cria personagens inesquecíveis e situações mirabolantes para debochar da burocracia, dos políticos, da 'alta cultura' e de diversas instituições atuais. Seu livro, que trata em última instância da busca do sentido da vida, não só diverte como também faz pensar.




  • classificou 5
    + biblioteca de Letícia

    "A resposta à grande questão sobre a vida, o universo e tudo mais é 42"







Baixe seu e-book

Download

Livro de papel na Saraiva
com um super desconto!

Quero

Comprou, ajudou. :)

Compre um livro e ajude o Orelha de Livro a continuar existindo. Como assim?

Olá querido usuário,
um minutinho da sua atenção.

O que você tem achado do Orelha de livro? Saiba que para nós, não existe nada mais importante do que um usuário feliz. Gostaríamos então de lhe fazer um pedido, mas antes disso, queremos explicar algumas coisas: O Orelha de Livro é um projeto sem fins lucrativos mantido pelo MuccaShop, mas que precisa de dinheiro para continuar ativo. São diversas despesas, como servidores, computadores, funcionários, entre outras coisas que ajudam a manter nosso site no ar. Ok, você deve estar se perguntando, como posso ajudar? Oras, é bem simples. Alguns sites pedem doações aos seus usuários, mas nós não curtimos muito essa ideia. Ao invés disso, decidimos criar uma ferramenta muito útil para quem adora livros: um comparador de preços (que aparece na página de detalhes do livro) e sugestões de livros (que você já deve ter visto pelo site). Assim, sempre que encontrar um livro do seu gosto, por um preço bom, basta clicar e realizar a sua compra no site da loja. Muito fácil, não? Dessa maneira, além de estar ajudando a manter o Orelha de livro ativo e ver crescer sua biblioteca, terá nossa gratidão eterna. :) Muito obrigado, e boa leitura!

Orelha de Livro